DELIVERY

21 4002-3768

marathon-333185_640
3 de julho de 2014

Dicas de Fadiga Física

Fadiga é um cansaço resultante de um esforço ou trabalho intenso que impede a pessoa de continuar funcionando dentro da […]

Fadiga é um cansaço resultante de um esforço ou trabalho intenso que impede a pessoa de continuar funcionando dentro da sua capacidade normal, como, por exemplo, a fadiga muscular que acontece depois de muito exercício físico ou a fadiga mental, que se caracteriza pela falta de energia e ânimo para desenvolver alguma atividade que demande esforço mental.

Fadiga Muscular
Fadiga muscular é definida como qualquer redução na capacidade do sistema neuromuscular de gerar força. Depende do tipo e intensidade do exercício praticado, do tipo de fibras musculares e também das condições ambientais. A fadiga muscular tem sido apontada como um mecanismo de proteção da integridade da fibra muscular.

Sintomas de Fadiga Muscular
- Diminuição da motivação;
- Redução da percepção e atenção;
- Capacidade de raciocínio prejudicada;
- Quebra do desempenho em exercícios físicos.
- Causas de Fadiga Muscular:

- Alterações no pH;
- Modificações na temperatura;
- Alterações do fluxo sanguíneo;
- Acúmulo de subprodutos do metabolismo celular;
- Acúmulo de lactato e íons de hidrogênio.
- Fadiga Central

A principal característica da fadiga central é a falha na condução do impulso nervoso, diminuindo o número de nervos que ativam os músculos, bem como a frequência de disparos dos neurônios motores.

Fadiga Periférica

Na fadiga periférica ocorre limitação de um ou mais componentes da unidade motora (motoneurônios, nervos periféricos, ligações neuromusculares ou fibras musculares).

Síndrome da Fadiga Crônica
A síndrome da fadiga crônica caracteriza-se por excesso de cansaço persistente sem uma causa aparente, falta de capacidade de concentração no trabalho e incapacidade de realizar tarefas rotineiras, atingindo mais as mulheres do que os homens.

Geralmente surge depois de uma gripe, resfriado ou outra doença infecciosa. O processo infeccioso desaparece mas permanecem os seus sintomas como fadiga, fraqueza muscular e falta de disposição, que voltam de tempos em tempos durante meses ou anos.

Diagóstico da Fadiga Crônica
Não existem exames específicos para diagnosticar a fadiga crônica. Para a doença ser identificada a pessoa tem que apresentar fadiga persistente inexplicável, associada a pelo menos quatro dos seguintes sintomas, durante um período mínimo de 6 meses:
- Dor de garganta;
- Gânglios inflamados e dolorosos;
- Dores musculares;
- Dor em várias articulações, sem sinais de inflamação como inchaço ou vermelhidão;
- Dor de cabeça diferente das anteriores;
- Comprometimento significativo da memória recente ou da concentração;
- Sono que não repousa;
- Fraqueza intensa que permanece por mais de 24 horas depois da atividade física.

Tratamento da Fadiga Crônica
O tratamento da fadiga crônica é paliativo, com uso de medicamentos anti-inflamatórios para aliviar dores nos músculos ou articulações. É aconselhável uma mudança no estilo de vida através de exercícios físicos, boa alimentação, controle do stress e baixa ingestão de bebidas alcoólicas.

Sobre a Galanti

A Rede Drogaria Galanti tem 1.300 colaboradores que trabalham para que os clientes estejam sempre satisfeitos com os serviços. Conheça nossa trajetória.

Seja nosso colaborador

Se você deseja fazer parte de um time de vencedores e ser um de nossos colaboradores, preencha nosso formulário de cadastro.

Central de Atendimento

Se desejar falar com nosso atendimento, sanar dúvidas, expor sugestões ou até mesmo reclamações, utilize nosso canal de atendimento ao cliente.